segunda-feira, 8 de junho de 2009


Coeficientes técnicos, rendimentos e rentabilidade

Os custos de produção no sistema de produção para a Região dos Tabuleiros Costeiros nordestinos resultarão da aplicação dos coeficientes técnicos apresentados na Tabela 8, que mostra a necessidade de insumos para um hectare de banana Prata Anã irrigada, nas condições do Platô de Neópolis, Estado de Sergipe, região representativa dos Tabuleiros Costeiros nordestinos.

Tabela 8. Coeficientes técnicos de produção de um hectare de banana Prata Anã irrigada, no espaçamento 4,0 x 2,0 x 2,0 m, com 1.666 plantas por hectare, no Platô de Neópolis-SE.

Especificação

Unidade

Quantidade

Ano 1

Quantidade

Ano 2

Quantidade

Ano 3

1. Insumos

Mudas (+ 10 %)

uma

1833

0

0

Esterco de Curral

m3

21

0

0

Calcário*

t

2

0

0

Uréia

kg

333

250

200

Sulfato de amônia

kg

508

375

300

Superfosfato simples*

kg

417

208

208

Cloreto de potássio*

kg

750

625

417

FTE BR 12

kg

83

83

83

Sulfato de magnésio

kg

217

217

217

Análise de nematóides

uma

1

1

1

Furadan 50G**

kg

4

12

12

Óleo mineral

L

167

167

167

Tilt (25 %)

L

4

4

4

Detergente concentrado neutro

L

0

8

8

2. Preparo do solo e plantio

Roçagem inicial

h/tr

1,5

0

0

Subsolagem

h/tr

3,5

0

0

Aração

h/tr

3

0

0

Calagem

h/tr

2,5

0

0

Gradagem (02)

h/tr

2,5

0

0

Sulcamento

h/tr

2,5

0

0

Adubação de fundação

D/H

5

0

0

Seleção e tratamentos de mudas

D/H

4

0

0

Plantio

D/H

17

0

0

3. Tratos culturais e fitossanitários

Capinas

D/H

90

60

40

Análise foliar

uma

1

1

1

Adubação

D/H

7

7

7

Desbaste

D/H

7

10

12

Desfolha

D/H

4

4

4

Retirada do coração

D/H

8

8

8

Tratamento fitossanitário

D/H

0

8

8

4. Irrigação

Irrigação

ano

***

***

***

5. Colheita

Colheita

D/H

0

58

67

*Refere-se à recomendação máxima, podendo ser reduzida conforme os resultados da análise do solo.

**O Furadan só deverá ser colocado com a ocorrência da broca e/ou nematóides.

*** Os custos de irrigação são constituídos por R$ 200,00 de amortização de equipamentos e R$ 300,00 de manutenção dos mesmos, incluindo água e energia.

Sem duvidas alguns valores estão defasados, mas é só fazer uma pesquisa de mercado e atualizar os mesmos, para que se possa fazer um calculo mais exato.

A produtividade média esperada, pela utilização das recomendações técnicas ora apresentadas nesse sistema de produção, situa-se entre 25 a 30 toneladas de banana ‘Prata Anã’ por hectare.

Atribuindo-se valores aos custos de produção, com base nos coeficientes técnicos apresentados na Tabela 8, e à produção esperada, o que varia com a época do ano, pode-se fazer uma análise de rentabilidade da exploração.

2 comentários:

Evilasio Sant'Ana Freitas disse...

Este estudo pode ser aplicado para a plantação da banana da terra

carpen2 disse...

sem duvida, mas não esqueça de reajustar os valores.