segunda-feira, 18 de dezembro de 2017

Custos e Rentabilidade da Ameixeira


Custos e rentabilidade

A composição dos custos e a rentabilidade da produção de ameixas são variáveis de acordo com o custo dos insumos, o nível de tecnologia empregada, a produtividade obtida e o valor alcançado pelo produto no mercado. Como referência, foram estabelecidos os seguintes parâmetros:
  • Sistema de produção com alta tecnologia
  • Ameixas comercializadas "in natura" em atacados (CEASAs) ou diretamente nas feiras, fruteiras e supermercados da região
  • Uso de 556 mudas por hectare (espaçamento 6 x 3 m)
  • Produtividade estimada: Ano 3 - 8 t/ha; Ano 4 - 14 t/ha; Ano 5 ao ano 8 - 18 t/ha (Produtividade média - 16 t/ha)
Nas Tabela 1 a 3, estão apresentados os principais componentes de custo para a implantação e manutenção de um pomar de ameixas européias produzidos conforme o sistema de produção aqui descrito. É importante considerar, entretanto, que estes valores servem como referência, em função dos fatores antes mencionados.

Tabela 1. Coeficientes técnicos e custos de implantação de 1,0 hectare (1º ano - Implantação) de ameixas européias para mesa na região dos Campos de Cima da Serra do Rio Grande do Sul. Bento Gonçalves, 2004.
QuantidadeMão de obra (d/h)Trator + implemento (horas)Total
Serviços
Limpeza do terreno13,51,65,1
Aração1-44
Gradagem1-22
Calagem1-11
Transporte de adubos, mistura e aplicação12-2
Plantio-4-4
Capinas mecânicas28614
Capinas Manuais26,5-6,5
Tratamentos fitossanitários211
Controle de formigas-1,5-1,5
Desbrotas e poda verde-4,2-4,2
Total de dias ou horas-29,715,645,3
Custo diário ou horário (R$)-3024-
Subtotal serviços (R$)891374,41.265,40
UnidadeQuantidadeCusto unitário (R$)Total (R$)
Insumos
MudasUn.55621.112,00
Calcáriot845360
Adubos (P e K)kg1000,770
Uréiakg250,4511,25
Defensivoskg/l525125
Subtotal Insumos1.678,25
TOTAL 1º ANO2.943,65
Fonte: Madail (2004), Agrianual (2003)

Tabela 2. Coeficientes técnicos e custos de implantação de 1,0 hectare (2º ano - Implantação) de ameixas européias para mesa na região dos Campos de Cima da Serra do Rio Grande do Sul. Bento Gonçalves, 2004.
QuantidadeMão de obra (d/h)Trator + implemento (horas)Total
Serviços
Poda e retirada dos ramos14--
Adubação em cobertura11,5--
Capinas mecânicas2-7,5-
Capinas Manuais26,5--
Tratamentos fitossanitários4-4-
Desbrotas e poda verde-4,2--
Total de dias ou horas-16,211,5-
Custo diário ou horário-3024-
Subtotal serviços-486276762
UnidadeQuantidadeCusto unitárioTotal (R$)
Insumos
Adubos (P e K)kg200,714
Uréiakg500,4522,5
Defensivoskg/l1225300
Subtotal Insumos336,5
TOTAL 2º ANO1.098,50
Fonte: Madail (2004), Agrianual (2003)

Tabela 3. Coeficientes técnicos e custos de implantação de 1,0 hectare (3º ano e seguintes - Produção) de ameixas européias para mesa na região dos Campos de Cima da Serra do Rio Grande do Sul. Bento Gonçalves, 2004.
QuantidadeMão de obra (d/h)Trator + implemento (horas)Total
Serviços
Roçadas22,52-
Poda e retirada de ramos116--
Adubação em cobertura12--
Capinas mecânicas22,5-
Capinas manuais112--
Tratamentos fitossanitários3-4,5-
Controle de formigas2411,5-
Colheita, classificação e transporte1306-
Total de dias ou horas-66,526,5-
Custo diário ou horário-3024-
Subtotal serviços1.995,006362.631,00
UnidadeQuantidadeCusto unitárioTotal (R$)
Insumos
Adubos (P e K)kg1750,7122,5
Uréiakg500,4522,5
Defensivoskg/l2025500
Despesas com embalagens e materiais para colheitaUn.4201420
Subtotal Insumos1.065,00
TOTAL 3º ANO E SEGUINTES3.696,00
Fonte: Madail (2004), Agrianual (2003)
Estimativa de rentabilidade
Preço médio pago ao produtor: R$ 1,50/kg
Receita bruta: R$ 24.000,00
Custo de produção (soma dos anos 1, 2 e 3): R$ 7.738,15
Rentabilidade (no 3º ano): R$ 16.261,85